SARAU DA POESIA - VIVA MANOEL DE BARROS!  
 

Escândalo disso e daquilo, o dólar que dispara, mais uma epidemia

que estoura -quem já não viveu o seu ebola? Quando a água com

açúcar já não acalma, a receita do Rivotril acaba e falta

coragem para sair correndo pelada, o que beber numa hora dessas?

Elementar como o ar: POESIA na noite à luz de velas do SARAU ELÉTRICO.

Com a presença inspirada da poeta carioca MARIA REZENDE

e os confirmados nas rimas SERGIUS GONZAGA, CLAUDIO MORENO, DIEGO

GRANDO e KATIA SUMAN. Para lembrar também MANOEL DE BARROS, que

deixou a vida da gente mais íngreme. SARAU DA POESIA.

Medicação para os males do mundo com um único efeito colateral: a delicadeza.

 

Canja: CONJUNTO BLUEGRASS PORTO-ALEGRENSE

 

 

SARAU DA POESIA – 18.11.14

Ocidente – 21h – 15 pila

 

Ouça o Sarau na www.radioeletrica.com